segunda-feira, 21 de junho de 2010

Poema da Semana: "Vestem galas, despem a alma"


(foto: Clarisse)


A noite desce
aos olhos da lua erguida
nos soluços apagados do dia,
ressoam vozes em segredo
no turbilhão
das avenidas frenéticas,
as luzes acendem
no fundo da sombra
em vultos de escuridão.

As estrelas
imponentes
pintam os rostos de purpurinas
…desfilam
como astros esbeltos
soberanos…
vestem galas,
despem a alma
em rodopios sem vento,
reflectem
ocos espaços
em ecos
inchados de inverdades

…Deitam-se com o ruído
cravado no fundo do peito
e o olhar
vergado em fragmentos
mutilados nos silêncios
que não sabem ouvir….
AUTORA: Ana Coelho
BLOGUE DA AUTORA: http://retalhosemocoespoesia.blogspot.com/
© Direitos de autor reservados.

6 comentários:

Fê-blue bird disse...

Linda fotografia para um poema cheio de alma.
Beijinhos

Natural.Origin disse...

Lindo*:)

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, bela fotografia...belo poema...Espectacular....
Beijos

Clarisse disse...

Olá Fê,
Grata pelo seu acompanhamento!
Beijos,
Clarisse

Clarisse disse...

Olá, Natural.Origin
Agradeço a sua visita e comentário!
Volte sempre.
Beijo,
Clarisse

Clarisse disse...

Olá Fernando,
Motivo de alegria a sua visita. Sou uma apaixonada por fotografia...
Beijo,
Clarisse