terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Poema da Semana: "Coisas Simples"

(imagem retirada da internet; autor desc.)



Das coisas simples
a mais simples
é tão simples
que não é coisa
não é simples
não
é


Da afirmativa
nasce
a negação
nega
acção
ou da coisa que é
não
a constatação
que a via do não
é igual a lado algum


Ou pelo roteiro do sim
aporta o ser
a calar o saber
esperar
certa a hora
certa a pessoa
do embora que é ir
que é agora
é que é
em pé !

Luiz Sommerville, 30112010958


AUTOR: Luiz Sommerville, 30112010958
BLOGUE DO AUTOR: http://tavoladestrelas.blogspot.com/ 
 
© Direitos de autor reservados.

5 comentários:

Fê-blue bird disse...

Um poema que parece simples, mas que não é!
"Das coisas simples
a mais simples
é tão simples
que não é coisa
não é simples
não
é"


Beijinhos amiga

Luiz Sommerville disse...

Bom dia , Clarisse !
Seguindo ... com uma que são muitas as lágrimas ... de Alegria e Gratidão ... emoção ...
Grato.
Saudações!
Festas Felizes.

Clarisse Silva disse...

Fê,
Sem dúvida, o poema diz muito.
Beijinhos e obrigada.
Clarisse

Clarisse Silva disse...

Fê,
Sem dúvida, o poema diz muito.
Beijinhos e obrigada.
Clarisse

Clarisse Silva disse...

Luiz,

Grata pelas palavras...
Seja bem-vindo.
Feliz Natal,
Clarisse